top of page

Extrato de cannabis favorece a reversão de sintomas de Alzheimer



Canabidiol, conhecido também como CBD, é um dos compostos encontrados na planta Cannabis sativa. Os artigos científicos publicados nos últimos anos com estudos em torno dessa substância revelaram um grande potencial terapêutico e uma série de aplicações no tratamento de diversas patologias.


O que o canabidiol faz com o cérebro?

Em paralelo, pesquisas realizadas principalmente nos Estados Unidos, na Inglaterra e na Austrália mostram que o canabidiol pode proteger o sistema nervoso central, ampliando a sobrevida de neurônios, além de ajudar a deter inflamações e a controlar a pressão arterial.

Estimativas da Alzheimer’s Disease International, sediada no Reino Unido, apontam que os números globais poderão chegar a 74,7 milhões, em 2030, e 131,5 milhões, em 2050.


Uso terapeutico

O canabidiol é uma substância que não provoca alucinações (não psicotrópica), utilizada mundialmente para o tratamento de diversas doenças, incluindo doenças neurológicas e psiquiátricas.


Quais doenças podem ser tratadas com o canabidiol?

Já é extensa a lista de doenças que podem ser tratados utilizando o CBD como substância ativa. 

Veja algumas delas:

  • Ansiedade

  • Artrite reumatoide

  • Artrose

  • Autismo

  • Câncer

  • Dependência química

  • Depressão

  • Dermatites, acne e psoríase

  • Diabetes

  • Doença de Alzheimer

  • Doença de Parkinson

  • Doenças gastrointestinais

  • Dor neuropática

  • Dores de cabeça

  • Endometriose

  • Enxaqueca

  • Epilepsia

  • Esclerose múltipla

  • Fibromialgia

  • Glaucoma

  • Insônia

  • HIV

  • Lesões musculares

  • Obesidade

  • Osteoporose

  • Paralisia cerebral

  • Síndrome de Tourette

  • Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC)

  • Transtorno do Estress e Pós-Traumático (TEPT)

  • Doenças veterinárias.


Existem relatos que o Canabidiol teve melhoras significativas em pacientes com Alzheimer. Doença até este momento impossível de ser combatida.

Conclusão

O sistema endocanabinoide poderia perfeitamente ser considerado como uma das descobertas do século.

Como vimos ao longo deste conteúdo, sem saber nada sobre ele, estaríamos privados de uma série de tratamentos com CBD.

Além de eficazes, os óleos de CBD apresentam ainda outra vantagem considerável: seus poucos efeitos adversos.

Com o avanço da regulamentação no país, um novo horizonte se abre no Brasil para o uso dessa substância em medicamentos comercializados em farmácias e drogarias.


Segundos dados do Ministério da Saúde, cerca de um milhão e 200 mil pessoas vivem com alguma forma de demência no Brasil, e 100 mil novos casos são diagnosticados por ano. Neste mês, no dia 21, foi celebrado o Dia Mundial do Alzheimer, com a data, a Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou para o aumento de casos da doença no mundo diante do envelhecimento populacional.


Apesar de ainda existirem estudos e testes, muitos pacientes que já estão utilizando o canabidiol a melhora é significativa trazendo a esperança em ter a saúde mental de seu ente querido de volta.


Veja outras matérias aqui!

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page